EM REEDIÇÃO DA FINAL DE 2016, TORONTO DÁ O TROCO NO SEATTLE E É CAMPEÃO DA MSL


Stefan Frei bem que tentou. Como em 2016, protagonizou um festival de defesas difíceis para o Seattle Sounders. Mas, desta vez, não conseguiu evitar o título do Toronto FC. Em reedição da final do ano passado, a equipe canadense deu o troco, superou o goleiro suíço, venceu por 2 a 0 no BMO Field, em Toronto, e conquistou pela primeira vez o título da Major League Soccer. O time rubro-negro é o primeiro canadense a levantar a taça.

O norte-americano Altidore e o espanhol Victor Vázquez, no último minuto, marcaram os gols dos campeões. Altidore, no fim, foi eleito MVP (jogador mais valioso) da decisão da MLS. Ele terminou o torneio com 17 gols. O artilheiro da competição foi o húngaro Nikolic, do Chicago Fire, com 24 gols.

>> Veja a tabela da MLS 2017

O triunfo coroa a melhor campanha da MLS de 2017. O Toronto terminou em primeiro na colocação geral da temporada regular com 12 pontos de vantagem para o New York City FC, segundo colocado, passou pelo New York RB com duas vitórias na semifinal da Conferência Leste e bateu o Columbus Crew na final com um empate e um triunfo. Os canadenses encerram a competição deste ano com 24 vitórias, 10 empates e apenas cinco derrotas.

Em 2016, com vários milagres de Frei, o Seattle suportou os 90 minutos do tempo regulamentar e a prorrogação para superar o Toronto nos pênaltis.Neste sábado, o roteiro parecia se repetir. O goleiro suíço fez, ainda na primeira etapa, pelo menos quatro grandes defesas (veja mais abaixo). Mas ele não teve a mesma sorte.

Aos 21 minutos do segundo tempo, o atacante norte-americano Altidore recebeu lindo passe do italiano Giovinco, ex-Juventus, em velocidade na intermediária, entre os zagueiros, arrancou e tocou na saída de Frei para abrir o placar. Altidore estava em posição duvidosa no momento do passe.

O Seattle tentou reagir e pressionou nos minutos finais, mas não conseguiu ameaçar o título dos donos da casa. Aos 49 minutos, no último minuto, o panamenho Cooper invadiu a área norte-americana em contra-ataque, driblou Frei e chutou na trave. No rebote, o espanhol Victor Vázquez empurrou para as redes e sacramentou o título para os canadenses.

O Toronto FC é o primeiro time canadense a conquistar a MLS e 12ª equipe diferente em 22 edições da competição, que foi criada em 1996. O Toronto FC será o representante do Canadá na Liga dos Campeões da Concaf em 2018, mas não pela conquista da Major League Soccer, e sim por ter conquistado o Campeonato Canadense de 2017. O LA Galaxy, com cinco taças, segue como maior vencedor da MLS.

Fonte: globoesporte.com

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.