GUERRA ENTRE FACÇOES DEIXA TRÊS MORTOS E UM FERIDO NO LITORAL DE AREIA BRANCA


Os três homens mortos a tiros na manhã desta  quinta (01), na Praia de Cristovão no município de Areia Branca-RN, foram identificados no Instituto Técnico de Perícia ITEP, Unida Regional de Mossoró. São eles:


José Ancarlos de Oliveira, natural de Patu de 48 anos de idade e residente em Mossoró foi morto dentro do carro, que segundo a polícia ocupava com mais quatro pessoas. O mesmo sofreu um tiro no peito.

Segundo consta no site do TJRN ele respondia por um crime de homicídio na comarca de Florânia, na região do Seridó.

O mesmo chegou a ser julgado pelo Tribunal do Juri Popular de Mossoró, acusado de participar da morte do despachante conhecido como Roberto do Detran, morto em 2002 em Mossoró, mas foi absolvido da acusação.

Máspole Gladson Bandeira Alves, 42 anos, natural de Mossoró, também foi morto no mesmo veículo e sofreu um disparo no ombro e outro na nuca.

Lindemberg Eufrásio de Freitas, residia no Conjunto Abolição III em Mossoró, condutor do veículo, ele foi atingido com um tiro na cabeça e morreu ao dar entrada no Hospital Tarcísio Maia em Mossoró. O mesmo respondia processo na Justiça por tráfico de drogas.

Uma quarta pessoa que também estava no carro, residente em Mossoró foi baleada com um tiro na boca, sendo socorrida para o Hospital Sarah Kubitschek em Areia Branca e em seguida, para o Hospital Tarcísio Maia em Mossoró.


De acordo com informações repassadas a nossa redação, o triplo homicídio se deu por causa de uma guerra entre duas facções criminosas.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.