MPRN RECOMENDA IMPLANTAÇÃO DE PONTO ELETRÔNICO EM AREIA BRANCA E TIBAU


O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), por meio da Promotoria de Justiça de Areia Branca, encaminhou recomendação às Prefeituras de Tibau e Areia Branca para que adotem o ponto eletrônico, incluindo todos os servidores do Poder Executivo e Legislativo. A adoção do ponto deve ser acompanhada de ato normativo e regulamento, que inclua todas as minúcias do serviço.
 
De acordo com a recomendação, as Prefeituras ainda não haviam adotado o ponto eletrônico para seus servidores, utilizando um sistema de assinaturas escritas para o registro de frequências, que pode refletir em inadequação da carga horária dos servidores. Segundo informações colhidas pela Promotoria de Justiça, alguns servidores públicos não cumprem rigorosamente sua jornada de trabalho.
 
A implantação do ponto eletrônico, de acordo com a Promotoria de Justiça, é  “uma ferramenta essencial para garantir a eficiência e assiduidade dos servidores públicos, de forma a demonstrar claramente a prestação de serviços realizados”, o que garante a verificação com segurança no cumprimento da jornada dos servidores.
 
Além do ponto Eletrônico para o Executivo e Legislativo, as Prefeituras devem adotar o sistema biométrico de frequências para todos os órgãos municipais e tornar pública a obrigatoriedade de submissão ao novo sistema.
 
Os gestores das duas cidades terão o prazo de 20 dias para informar as medidas adotadas para acatar a recomendação e 90 dias para que seja adotado efetivamente o modelo. O sistema deve armazenar informações por cinco anos, registradas para emissão de relatórios periódicos.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Furto na rede elétrica deixa mais de 8,8 mil imóveis sem luz em Areia Branca

Três grupos mostram interesse no Leilão do Porto Ilha

Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Areia Branca