IDENTIFICADO SUSPEITO DE ASSALTAR ÔNIBUS QUE FOI ESPANCADO, ARRASTADO PELO PESCOÇO E MORTO A TIROS EM NATAL



Foi identificado pelo Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) o homem suspeito de ter assaltado um ônibus e que depois do crime acabou espancado, arrastado pelo pescoço e morto a tiros na manhã desta quinta-feira (11) na Ribeira, bairro da Zona Leste de Natal. Trata-se de Arlindo Pereira do Nascimento Neto, de 38 anos.

A Inter TV Cabugi falou com o pai de Arlindo. Ele disse que o filho respondia por tráfico de drogas, e que ele havia deixado a Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, fazia um mês.

A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso.

A morte

Segundo a Polícia Militar, um homem que havia acabado de assaltar um ônibus nas proximidades do Teatro Alberto Maranhão, crime ocorrido no início da tarde, foi pego por moradores da região e amarrado pelo pescoço com um acorda. Ele foi espancado e arrastado pelas ruas da Ribeira. Em seguida, baleado várias vezes na cabeça.

Ainda de acordo com a PM, o alvo do ladrão foi um ônibus da linha 20, da empresa Guanabara. Havia cerca de 30 passageiros no local. Na hora do assalto, houve tumulto e algumas pessoas se feriram. Uma mulher teve fratura exposta no pé, ao saltar do veículo, e outra ficou com ferimentos leves.

Testemunhas relataram que o assaltante ainda conseguiu correr com duas bolsas, um tablet e outros bens que havia tomado de vítimas dentro do ônibus, mas ele acabou alcançado por pessoas não identificadas. O suspeito foi espancado e amarrado pelo pescoço, sendo arrastado por centenas de metros, até ser morto a tiros.


Samu foi chamado a local do assalto para socorrer a mulher machucada — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

G1 RN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Furto na rede elétrica deixa mais de 8,8 mil imóveis sem luz em Areia Branca

Três grupos mostram interesse no Leilão do Porto Ilha

Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Areia Branca