REJEIÇÃO A BOLSONARO AUMENTA E CERTEZA DE VOTO NELE CAI, APONTA IBOPE


Índice dos que não votariam no candidato do PSL de jeito nenhum passou de 35% para 40%; os que votam nele com certeza foram de 41% para 37%

A pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira, 23, traz duas más notícias ao candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, além da redução de sua vantagem sobre Fernando Haddad (PT) de 18 para 14 pontos porcentuais. O instituto de pesquisas aponta um aumento na rejeição a Bolsonaro, isto é, no número de eleitores que não votariam nele de jeito nenhum, e diminuição no porcentual de eleitores que com certeza votariam no capitão reformado do Exército.

Segundo o instituto de pesquisas, descartaram votar no pesselista 40% do eleitorado, número que era de 35% no levantamento anterior, divulgado em 15 de outubro. Quanto à certeza de voto, o porcentual passou de 41% para 37%. A margem de erro da pesquisa Ibope é de dois pontos porcentuais, para mais ou para menos.

A rejeição a Jair Bolsonaro, que estava 12 pontos porcentuais abaixo da de Haddad há uma semana, agora tem apenas um ponto porcentual a menos. O petista era rejeitado por 47% dos eleitores, índice que foi a 41%. O número dos que declaram votar com certeza no ex-prefeito de São Paulo passou de 28% para 31%.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Furto na rede elétrica deixa mais de 8,8 mil imóveis sem luz em Areia Branca

Três grupos mostram interesse no Leilão do Porto Ilha

Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Areia Branca