Mulher é morta ao tentar fugir de arrastão em João Câmara

Corpo da vítima foi levado para a Sede do Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte em Natal — Foto: Rafael Lopes/Inter TV Cabugi

Uma mulher foi morta a tiros após um arrastão no distrito de Queimadas em João Câmara, no interior do Rio Grande do Norte, na noite desta terça (14). Segundo a PM, os criminosos fizeram um arrastão em uma sorveteria, um bar e na lanchonete da vítima. Ao tentar fugir para avisar o marido, os criminosos reagiram, atiraram contra a mulher.

De acordo com a PM, o homicídio aconteceu no distrito de queimadas, que fica a 15 km de João Câmara. Segundo a PM, os criminosos iniciaram uma arrastão, assaltando uma sorveteria.

Ainda conforme informações divulgadas pela Polícia Militar, em seguida os criminosos foram a um bar e, por último, foram à lanchonete da vítima. Os militares disseram que ela tentou fugir para avisar ao marido, os criminosos reagiram e balearam a vítima.

O corpo da vítima foi levado ao Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (Itep-RN) em Natal. A Polícia Civil investiga o caso.

Com conteúdo G1RN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Furto na rede elétrica deixa mais de 8,8 mil imóveis sem luz em Areia Branca

Três grupos mostram interesse no Leilão do Porto Ilha

Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Areia Branca