Ex-companheiro é o principal suspeito pelo assassinato de mãe e filha em Mossoró

Delegacia de Homicídios investiga o caso — Foto: Marcelino Neto/O Câmera

Mãe e filha foram mortas a tiros em Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte, na noite de domingo (17). O duplo homicídio foi registrado no bairro Ouro Branco.

Segundo a Polícia Militar, o suspeito dos crimes encontrou a ex-sogra Maria Clécia Ferreira da Silva, de 49 anos, próximo a uma praça e atirou três vezes na cabeça da mulher por volta das 21h. Em seguida, o homem saiu em direção a casa da ex-companheira Jackeline Ferreira da Silva, de 21 anos, que também sofreu disparos e morreu dentro de casa.

Na residência havia ainda uma criança de nove meses dormindo em uma rede. A criança é filha de Jackeline e do suspeito. Segundo informações apuradas pela PM com pessoas próximas das vítimas, o casal disputava a guarda da filha e essa circunstância pode ter motivado os assassinatos.

O crime é tratado como duplo homicídio, mas poderá ser considerado feminicídio e homicídio, conforme as investigações da Polícia Civil. Após as mortes, o suspeito foi até uma casa na região, deixou um par de tênis, um par de luvas, roupas e o revólver calibre 38 usado no atentado antes de fugir. Ele já foi identificado e é considerado foragido.

Com conteúdo G1RN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Furto na rede elétrica deixa mais de 8,8 mil imóveis sem luz em Areia Branca

Três grupos mostram interesse no Leilão do Porto Ilha

Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Areia Branca