No retorno do Shooto Brasil, Victor Bulldoguinho vence por nocaute no primeiro round

Victor Bulldoguinho - Foto: Marcell Fernandes


Quatro meses após sua última edição, o Shooto Brasil realizou no domingo seu primeiro evento desde o início da pandemia do novo coronavírus, no Rio de Janeiro. Com um protocolo especial elaborado junto à Comissão Atlética Brasileira de MMA (CABMMA) para prevenir contra o Covid-19, o card do Shooto Brasil Solidariedade teve 10 lutas.

O card contou com a luta de Victor Bulldoguinho, peso galo que é natural  de Areia Branca, no Rio Grande do Norte e teve atuação avassaladora nocauteando Wilherson Jackson aos 3m49s no assalto inicial.



O Shooto Brasil Solidariedade recebeu esse nome por conta de uma ação que consiste na arrecadação de cestas básicas para diversas comunidades carentes do Rio de Janeiro afetadas pela pandemia. A ação é liderada diretamente pelo presidente do Shooto Brasil, Dedé Pederneiras, que forneceu a conta do Instituto André Pederneiras para doações com a devida prestação de contas nos canais do Shooto.

Victor Bulldoguinho - Foto: Marcell Fernandes

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.