Justiça manda fechar templos da Igreja Universal em Angola


Procuradoria-Geral da República de Angola fechou sete templos da Igreja Universal no país. A instituição é acusada de fraude e outras atividades criminosas.

“Esta medida foi adotada porque nos autos há indícios suficientes da prática de delitos como associação criminosa, fraude fiscal, exportação ilícita de capitais, abuso de confiança e outros atos ilegais”, afirmou o procurador-geral, Álvaro da Silva João.

No ano passado, quase 300 bispos angolanos da Iurd se afastaram da instituição após denunciarem práticas contrárias à “realidade de Angola” e acusando a igreja de sonegação fiscal.

As denúncias levaram a Procuradoria-Geral do país a abrir em dezembro um processo penal contra a igreja de Edir Macedo.


Com conteúdo O Antagonista

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Furto na rede elétrica deixa mais de 8,8 mil imóveis sem luz em Areia Branca

Três grupos mostram interesse no Leilão do Porto Ilha

Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Areia Branca