Novos gestores do TRE-RN tomam posse na próxima segunda-feira


Redação

29/08/2020 | 12:24


A posse dos desembargadores Gilson Barbosa e Claudio Santos como presidência e vice do TRE-RN será realizada às 17h, por videoconferência e transmitida ao vivo no canal do YouTube do TRE-RN

Na próxima segunda-feira, 31, os desembargadores Gilson Barbosa de Albuquerque e Claudio Manoel de Amorim Santos serão empossados como novo presidente e vice e corregedor do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) para o biênio 2020-2022. A sessão solene de posse dos novos gestores e de seus respectivos suplentes será realizada às 17h, por videoconferência e transmitida ao vivo no canal do YouTube do TRE-RN.

Os magistrados de segundo grau foram escolhidos para compor a Corte Eleitoral pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, no dia 10 de junho. Eles substituem os desembargadores Glauber Rêgo e Cornélio Alves, que finalizam o biênio à frente da presidência e vice-presidência e corregedoria da Corte Eleitoral Potiguar.

Na mesma data os desembargadores Amílcar Maia e Ibanez Monteiro da Silva serão empossados como suplentes do presidente e vice, respectivamente.

Desembargadores Glauber Rêgo e Cornélio Alves se despedem dos cargos

Dois anos após assumirem a Presidência e a Corregedoria do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN), os desembargadores Glauber Rêgo e Cornélio Alves se despediram, nesta sexta-feira, 28, das sessões da corte eleitoral.

Com o fim do biênio de mandato, que se encerrará dia 31 de agosto, a trajetória dos magistrados à frente do Tribunal foi elogiada por seus pares durante a sessão, como também pela procuradora regional eleitoral Caroline Maciel, que também deixa o cargo para ser substituída pelo novo PRE Ronaldo Chaves.

Além disso, também foi apresentado o Relatório de Gestão do Biênio 2018-2020, que reúne as inúmeras iniciativas da gestão que se encerra.

Despedida

Com a finalização do mandato na Presidência da corte, o desembargador Glauber Rêgo listou as iniciativas da gestão presentes no relatório e agradeceu a todos que colaboraram para as realizações. “Realço minha gratidão de compartilhar essas realizações com Vossas Excelências. Busquei sempre garantir a estabilidade do estado democrático de direito em cada ação. Se em algum momento errei, foi involuntariamente, pois sempre busquei acertar. De qualquer forma, tenho certeza: valeu a pena percorrer esse trajeto com os senhores e senhoras”, afirmou.

“Agradeço, também, aos colegas de bancada. Destaco as qualidades que todos apresentam: honestidade, o saber intelectual refinado, a bondade, a celeridade e o trato delicado e cortês para comigo”, completou.

Os juízes da corte também aproveitaram a ocasião para destacar a qualidade da gestão dos desembargadores e o legado deixado pelas inúmeras realizações da Presidência e da Corregedoria, além de elogiarem as personalidades de ambos.

“A Justiça Eleitoral do RN deve ter orgulho de desembargador Cornélio, julgador firme e correto, grande magistrado talhado pelo caráter e sensibilidade”, afirmou o juiz Carlos Wagner. “Desembargador Glauber,o que o senhor plantou, semeou e colheu marcará para sempre sua trajetória” expressou.

O juiz eleitoral Ricardo Tinoco destacou o espírito público da gestão e agradeceu o trabalho construído. “A marca mais denotativa dessa gestão, que esteve em todos os projetos desenvolvidos foi a valorização do interesse público”, afirmou. “Todos os membros do Tribunal, de todos os setores, seguiram como uma grande orquestra a batuta de Vossa Excelência”, disse o magistrado.

“Destaco qualidades de Vossas Excelências. Desembargador Glauber com uma entrega constante à procura da perfeição, com espírito inquieto que busca e garimpa as melhores ideias para serem aplicadas. Já desembargador Cornélio cativa com simplicidade e a brilhante capacidade de trabalhar em equipe”, apontou o juiz eleitoral Geraldo da Mota.

Já a juíza eleitoral Adriana Magalhães destacou o ineditismo da gestão. “É difícil mensurar e palavras como foram esses dois anos. Muitos desafios, mas muitas realizações”, sintetizou.

O juiz Fernando Jales destacou o equilíbrio entre firmeza e ternura do desembargador Glauber Rêgo, enquanto ressaltou as lições aprendidas e o convívio salutar do desembargador Cornélio Alves. “É um dia difícil, pois a saudade já não bate mais na porta, ela já está no recinto”, afirmou.

A sessão de despedida contou com a presença da chefe da Procuradoria Federal, Cibele Benevides, que já exerceu a função de procuradora eleitoral, do presidente da Amarn, Herval Sampaio e do futuro procurador Ronaldo Chaves.

A procuradora eleitoral, Caroline Maciel, se despediu da Corte afirmando que segue o caminho do Tribunal Regional Federal, da 1a Região com muitas lições. “Aqui aprendi sobre direito, respeito diversidade e cidadania. Democracia requer compromisso e impõe equilíbrio. Saiba que os senhores conseguem equilibrar esses direitos”,declarou.

Às 17h da próxima segunda-feira, 31, ocorrerá a sessão solene de posse dos novos gestores do TRE-RN. Realizado por videoconferência, o evento será transmitido pelo canal do YouTube do Tribunal.

Relatório de gestão destaca projetos, eventos, convênios e cooperações técnicas

A publicação relata os projetos, eventos, convênios e cooperações técnicas realizados pelo TRE-RN, que permitiram o regional ser referência em modernidade, resgatar a memória da Justiça Eleitoral e estar no topo dos índices de transparência.

Os investimentos em infraestrutura, como a instalação das usinas fotovoltaicas em diversas unidades da Justiça Eleitoral estado, renderão qualidade no serviço aos eleitores, economia aos cofres públicos e sustentabilidade ambiental.

Também foi destacada a parceria com a Universidade Federal do Rio Grande do Norte para a realização da Residência em T.I., que rendeu soluções e projetos para a desburocratização e modernização do Tribunal.

A realização das Tardes Eleitorais, do podcast Voz da Cidadania e do curso Nova Pólis são exemplos da preocupação da gestão com ações educativas e de cidadania. Exibições artísticas e históricas, bem como a inauguração do Museu do Centro de Memória, do Museu Virtual da Justiça Eleitoral do RN e Museu Virtual Alzira Soriano marcaram a valorização da cultura e da memória da Justiça Eleitoral estadual.

Presença e participação feminina também foi destaque da gestão, que realizou eventos, como a Roda de Mulheres, organizada pela Comissão de Participação Feminina do TRE-RN, e destacou o pioneirismo do estado na garantia do direito ao voto e na eleição de mulheres.


Com conteúdo AgoraRN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Furto na rede elétrica deixa mais de 8,8 mil imóveis sem luz em Areia Branca

Três grupos mostram interesse no Leilão do Porto Ilha

Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Areia Branca