SP endurece quarentena no Natal e fecha praias no réveillon; veja restrições

Divisa das praias de Santos e São Vicente na Baixada Santista (Foto: Reprodução)

A partir desta terça-feira (21), todas as regiões do Estado de SP voltam à fase amarela da quarentena (que limita o período de funcionamento de diversas atividades) e, durante os dias 25, 26, 27 de dezembro e 1, 2 e 3 de janeiro, todo o Estado seguirá as regras da fase vermelha, a mais restritiva de todas – que permite o funcionamento apenas de comércios essenciais, como supermercados, padaria e farmácias. Nesses dias, bares e restaurantes não poderão funcionar nesse período.

A decisão, segundo o Palácio dos Bandeirantes, segue as recomendações do Centro de Contingenciamento da Covid-19, que se reuniu na manhã desta terça-feira (21) no Instituto Butantan.

Na coletiva de imprensa após a reunião, o Estado de São Paulo também anunciou que a região de Presidente Prudente, no noroeste do estado, regredirá à fase vermelha já nesta terça (21) por já estar com 83% dos leitos de ocupados, e assim permanecerá até a próxima atualização das restrições. Apenas na cidade de Prudente, 73 pessoas estão hospitalizadas com covid-19 e, com o aumento expressivo de casos, devem faltar leitos de UTI.

Em janeiro, ainda que haja números positivos, nenhuma região do Estado deve ir para a fase verde, uma das mais brandas. No dia 6/1, o Centro de Contingência deve se reunir com os novos prefeitos, empossados no primeiro dia do ano, para apresentar o Plano São Paulo. Uma nova atualização do Plano São Paulo deve ser divulgada no dia 7/1.

Nós não temos ainda o que comemorar. Estamos no meio de uma pandemia. Visando conter a circulação maior de pessoas e, com elas, o vírus, essas medidas foram tomadas com objetivo de preservar vidas e também o nosso sistema de saúde – que está sendo expandido, mas tem um limite.

Jean Gorinchteyn, Secretário Estadual de Saúde de SP

Para evitar o tradicional “bate e volta” de turistas, as restrições do período de fim de ano também incluirão barreiras sanitárias nos acessos às cidades litorâneas do estado, com medição de temperatura dos visitantes – testes negativos de covid e comprovante de residência, entretanto, não serão exigidos. A orla das praias, pelo menos nas principais cidades do litoral, será bloqueada na noite do dia 31, evitando aglomerações nas areias e calçadões. Nesta segunda (20), Doria já havia anunciado um reforço de quase 3 mil policiais nos municípios dos litorais norte e sul do estado.

Uma nova atualização do Plano São Paulo deve ser divulgada no dia 7/1.

As novas restrições que valerão para o período de Natal e Ano Novo no Estado de SP:

Praias das principais cidades do litoral serão fechadas na noite do dia 31/12

Barreiras sanitárias serão instaladas nas entradas das cidades litorâneas

A região de Presidente Prudente entra na fase vermelha já a partir desta terça (21)


Com conteúdo Exame

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Furto na rede elétrica deixa mais de 8,8 mil imóveis sem luz em Areia Branca

Três grupos mostram interesse no Leilão do Porto Ilha

Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Areia Branca