Governo do RN agiliza processos para garantir investimento de R$ 250 milhões

Governadora Fátima Bezerra (PT) durante audiência com a operadora de petróleo e gás, Duna Energia (Foto: Reprodução)

Investimento no valor de R$ 250 milhões e geração de mais de 100 empregos diretos na área de petróleo e gás foi a pauta da reunião desta terça-feira, 27, da governadora Fátima Bezerra com a empresa Duna Energia - Operadora de Petróleo e Gás.

"Esta é uma agenda muito importante por que promove o desenvolvimento social e econômico do RN. Neste sentido, o governo não mede esforços para estabelecer ambiente favorável e acolhedor. Até porque nossa prática e visão é de que governo é para ajudar, dar segurança jurídica e destravar situações que retardam os investimentos. Lembro que nossa administração desde o início instalou câmara setoriais para diversos setores da economia. Estas câmaras são fóruns de discussão permanente com o empresariado, justamente para agilizar decisões", afirmou a chefe do Executivo a Gabriel Cozer, diretor de produção da Duna Energia, Patrícia Souza, assessora jurídica e Criste Jones Simão, consultor da Duna e vice-presidente da Redepetro.

A governadora disse também que "consideramos muito importante os investimentos da Duna Energia, e, no que depender do governo do estado, tudo será feito para concretizar e ampliar investimentos. O governo está de portas abertas e praticando diálogo permanente para que o investimento anunciado possa se concretizar e trazer mais emprego e desenvolvimento ao nosso estado". 

Em relação aos licenciamentos ambientais, a governadora declarou que "também atuamos para dar celeridade, sempre dentro das exigências legais". O diretor do Idema, Leon Aguiar explicou que as 80 licenças ambientais para que a Duna perfure 80 novos poços, desdobram em mais de 200 devido a questões como supressão vegetal, documentação de áreas, entre outros. "No que é da competência do Idema atuamos com agilidade e em parcerias com a Procuradoria Geral do Estado (PGE) e com a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Rural e da Agricultura Familiar (Sedraf) para destravar o cumprimento das exigências legais que também demandam liberações da competência federal".

Já o coordenador de energia da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico (Sedec), Hugo Fonseca, acrescentou que algumas liberações dependem do governo federal, como a regularização de propriedades de terra em assentamentos de trabalhadores rurais que são de domínio da União.

O diretor de produção da Duna Energia S/A, Gabriel Cozer, informou que além dos 80 novos poços que serão perfurados, outros 20 serão recuperados com a finalidade de aumentar a produção de petróleo e gás. Ele informou que foi iniciada a perfuração de seis novos poços e que os funcionários são residentes no estado, a maioria nos municípios de Areia Branca e Mossoró.

Na reunião a governadora esteve acompanhada também pelos secretários Carlos Eduardo Xavier (SET), Jaime Calado (Sedec), presidente da Potigás, Larissa Dantas, assessora de governança corporativa e assessora de assuntos institucionais e regulatórios da Potigás, respectivamente Samanda Alves e Marina Siqueira.


Com conteúdo ASCOM RN

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.