Líder do governo e seu filho receberam R$ 10,4 mi em propina, conclui PF


A Polícia Federal finalizou o inquérito que mirou o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra, e o filho dele, o deputado Fernando Bezerra de Souza Coelho Filho, informam Luiz Vassallo e Ana Viriato na Crusoé.

Os investigadores concluíram que os dois receberam R$ 10,443 milhões em propina de três empreiteiras como contrapartida à execução de obras entre 2012 e 2014, na época em que o líder do governo de Jair Bolsonaro no Senado era ministro da Integração da gestão Dilma Rousseff. Ambos negam a acusação.

O relatório final sobre a Operação Desintegração foi encaminhado ao STF. Luís Roberto Barroso remeteu o caso à PGR, que decidirá se denuncia Fernando Bezerra e o filho ou se arquiva o processo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Furto na rede elétrica deixa mais de 8,8 mil imóveis sem luz em Areia Branca

Três grupos mostram interesse no Leilão do Porto Ilha

Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Areia Branca