Senador é denunciado ao Conselho de Ética depois de dizer que mulher levou uns 'tapas bons'

Styvenson Valentim

A deputada Natália Bonavides (PT-RN) entrou com representação no Conselho de Ética do Senado contra Styvenson Valentim (Podemos-RN) por quebra de decoro parlamentar.

Para a deputada, o senador legitimou a violência contra a mulher em um vídeo no qual ele comenta uma ocorrência policial em Santo Antônio (RN). Ao atender uma mulher que denunciou violência doméstica, um policial a agrediu. Styvenson diz que não sabe o que "essa mulher fez para merecer dois tapas".

Disse o senador:

— Pelo vídeo aí, eu estou vendo que ele está dando dois tapas na mulher, uns tapas bons, na mulher. Agora, eu sei lá o que essa mulher fez para merecer dois tapas. Será se ela estava calada, rezando o Pai Nosso, para levar dois tapas? Eu não sei, eu não sei.

Capitão da Polícia Militar, Styvenson foi eleito em 2018.

Para Natália, "é inadmissível que um senador da República tenha esse tipo de postura e use sua condição de figura pública, afinal, ele respondia a questionamentos feitos pela sociedade sobre o episódio por conta desta condição, para proferir discurso de ódio e legitimador da violência contra a mulher".


Com conteúdo O Globo

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.