Deputados autorizam transferência temporária da sede do governo do RN para Mossoró


Apelidada de capital do Oeste, Mossoró será a sede do Governo do Rio Grande do Norte do dia 28 até 30 de setembro.

A medida solicitada pelo Executivo foi aprovada à unanimidade pelos deputados estaduais nesta quinta-feira (23) e sancionada em publicação no Diário Oficial desta sexta-feira (24).

A formalidade de transferência temporária da sede do Governo tem o objetivo de homenagear a cidade pelo pioneirismo na abolição da escravatura, comemorada localmente no dia 30 de setembro.

Em 2021, serão comemorados 138 anos desde que a cidade libertou os escravos – o que ocorreu cinco anos antes da Lei Áurea.

“Nós mossoroenses receberemos o Governo do Estado de braços abertos. É uma data que é celebrada com muitas ações em Mossoró. A cidade estará em festa e agradecemos desde já a autorização para instalar o Governo”, disse a deputada estadual Isolda Dantas, líder do PT na Casa.

A transferência da sede do governo coincidirá também com a posse da nova reitora da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (Uern), professora Cicília Maia, que foi nomeada em maio deste ano.

Mossoró é a segunda maior cidade do Rio Grande do Norte, com população estimada em 303,7 mil habitantes, de acordo com o IBGE.


Com conteúdo G1RN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Furto na rede elétrica deixa mais de 8,8 mil imóveis sem luz em Areia Branca

Três grupos mostram interesse no Leilão do Porto Ilha

Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Areia Branca