Bolsonarista antivacina morre de covid-19 no interior do RN

Edson Campos, o Neném, era filiado ao Partido Social Cristão (PSC), trabalhava com marketing multinível e durante a pandemia fazia campanha contra a vacinação

Foto reprodução: Facebook 

Agência Saiba Mais - O currais-novense Edson Faustino Campos, de 37 anos, conhecido também como Neném, seguia a cartilha do bolsonarismo e morreu de covid-19 nesta segunda-feira (27) sem ter se vacinado contra a doença. Ele estava internado no Hospital Regional Mariano Coelho, em Currais Novos, e não apresentava comorbidades.

Edson era filiado ao Partido Social Cristão (PSC) e chegou a se candidatar a vereador em 2020, recebendo apenas 9 votos no pleito. Trabalhava com marketing multinível e durante a pandemia fazia campanha contra a vacinação, apesar de não haver muitas publicações que abordem diretamente do tema em suas redes sociais.

Em janeiro deste ano, compartilhou um vídeo em que o músico Tico Santa Cruz faz sátira com as fake news disseminadas pelo presidente Jair Bolsonaro sobre a vacinação. O rockeiro diz que as pessoas vacinadas apresentaram descamação nos pés em decorrência de um chip em forma de plasma injetado para que a população seja controlada por uma inteligência alienígena. Edson diz que se trata de uma “mensagem subliminar que alerta contra a NOVA ORDEM MUNDIAL, também cita os Iluminatis, a pirâmide do sistema, assim como também a REDUÇÃO DA POPULAÇÃO EM MASSA e o controle total dos povos através de um só LÍDER MUNDIAL”.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mossoró: Áudio de radialista prega chantagem contra vereadores em troca de dinheiro; ouça

RN recebe 81.700 doses da vacina contra Covid-19 neste sábado (20)

Pescadores do de Areia Branca fisgam atum azul de 400kg; veja vídeo