Por que a nova pesquisa eleitoral é desastrosa para Bolsonaro


A menos de três meses  da eleição presidencial, Jair Bolsonaro (PL) tem muitos motivos para se preocupar com o futuro de seu plano à reeleição, segundo a nova pesquisa BTG/FSB divulgada nesta segunda-feira, 25. Além de ver a distância de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aumentar, quase 60% dos eleitores desaprovam a forma com que Bolsonaro dirige o país.  O conjunto de dados é um tremendo balde de água fria para o governo que abriu os cofres nos últimos meses para tentar virar o jogo, incluindo no pacote medidas como o aumento do Auxílio Brasil.

Na pesquisa estimulada, Lula aumentou de nove para treze pontos a diferença para o atual presidente. O petista aparece com 44% das intenções de voto, contra 31% do atual mandatário. Na última rodada, Lula 41% e Bolsonaro, 32%. Ciro Gomes (PDT) se manteve com 9% e Simone Tebet (MDB) foi de 4% para 2%.

Entre as mulheres, a diferença entre os dois mais bem colocados é quase o dobro: Lula marca 46 Lula 41% e Bolsonaro, 32%. Ciro Gomes (PDT) se manteve com 9% e Simone Tebet (MDB) foi de 4% para 2%.

Entre as mulheres, a diferença entre os dois mais bem colocados é quase o dobro: Lula marca 46 pontos, contra 24 de Bolsonaro. 


Veja abaixo a pesquisa por idade:


Entre 16 e 24 anos


Lula: 49%


Bolsonaro: 21%


25 e 40 anos


Lula: 41%


Bolosnaro: 35%


41 a 59 anos


Lula: 44%


Bolsonaro: 35%


60 anos ou mais


Lula: 47%


Bolsonaro: 30%


Pesquisa quantitativa realizada pelo Instituto FSB Pesquisa, por telefone (via CATI), entre os dias 22 e 24 de julho de 2022. Foram entrevistados 2 000 eleitores. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, com intervalo de confiança de 95%. 


Com conteúdo Veja

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Furto na rede elétrica deixa mais de 8,8 mil imóveis sem luz em Areia Branca

Três grupos mostram interesse no Leilão do Porto Ilha

Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Areia Branca