Jovem morre após cair em fosso de elevador em Natal

A vítima foi identificada como Julicássio Andrade — Foto: Redes Sociais

Um jovem de 25 anos morreu após cair no fosso do elevador de um prédio na madrugada deste domingo (24). O edifício fica em Capim Macio, na Zona Sul de Natal. A vítima foi identificada como Julicássio Andrade.

O Corpo de Bombeiros informou que foi acionado por volta das 3h45 para atender a ocorrência. A pessoa que ligou para os bombeiros disse que o jovem caiu do 4º andar. Uma viatura de salvamento com três militares foi enviada ao local para remover o corpo.

A Polícia Militar e o delegado de plantão também estiveram no local. O Crea-RN informou por meio da assessoria de imprensa que vai fiscalizar o local a fim de apurar se o condomínio possui contrato com empresa para manutenção do elevador e quem é o responsável técnico.

Orientações para evitar acidentes

Em 2019, o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio Grande do Norte (CBMRN) atendeu 22 ocorrências envolvendo pessoas presas em elevadores. Nos primeiros três meses de 2020, a corporação já realizou 6 atendimentos dessa natureza. Os dados são referentes a Grande Natal.

Diante disso, o Corpo de Bombeiros alerta para alguns cuidados ao entrar em algum elevador:

Um olhar e ouvido mais atento do passageiro pode ser fundamental. Observar barulho estranho no deslocamento do elevador, na partida ou parada pode ser um problema;

É importante observar se o elevador está no pavimento onde foi acionado. É preciso manter certa distância da porta e olhar se a cabine está no mesmo andar que o passageiro;

A manutenção deve ser feita de forma preventiva antes mesmo de aparecer alguma anormalidade;

Se o elevador parar entre andares e a porta abrir, não tente sair pela abertura. O elevador pode voltar a funcionar quando você estiver saindo. Mantenha a calma e aguarde;

Se não voltar ao normal, é preciso acionar o botão de alarme e/ou utilizar o interfone para pedir ajuda;

Nestes casos, o ideal é fazer contato com a empresa de manutenção contratada ou ligar para o Corpo de Bombeiros através do 193.

Com conteúdo G1RN

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.