Obras do Teatro Alberto Maranhão atingem quase 50% de execução


Teatro Alberto Maranhão, no bairro da Ribeira, está fechado desde julho de 2015 — Foto: Divulgação



As obras de restauração e recuperação do Teatro Alberto Maranhão, em Natal, atingiram aproximadamente 50% da execução, de acordo com o governo do estado. O investimento é de R$ 96 milhões na reforma e equipamentos, com recursos do Banco Mundial.

Todos os elementos estão em recuperação para devolver características históricas e arquitetônicas originais do teatro que está interditado desde julho de 2015. A intervenção abrange desde a renovação das estruturas elétricas, hidráulicas e de acessibilidade do espaço, até a climatização e paisagismo, reestruturação do palco e camarins, passando ainda por ações de combate a incêndio e implementação de sistema de esgoto.

Segundo o governo, esta é uma das maiores e mais cuidadosas reformas feitas desde a inauguração do TAM, em março de 1904. A obra conta pela primeira vez com a fiscalização do Instituto do Patrimônio Artístico Nacional (Iphan).

Sobre a obra

De acordo com o projeto que vem sendo executado, o jardim do TAM voltará a ter suas características originais com novos canteiros de plantas e bancos. As poltronas e cadeiras dos camarotes e frisas também foram totalmente recuperadas. As janelas e esquadrias do teatro foram restauradas de maneira criteriosa e artesanal. A estrutura metálica do telhado foi totalmente reconstituída e reforçada para instalação de telhas termoacústicas sobre a plateia e caixa cênica, garantindo maior isolamento térmico e acústico para o edifício.

O sistema de climatização do palco e plateia voltará a ser central, o que garantirá melhor refrigeração e menor quantidade de ruídos durante os espetáculos. Também foram instaladas as três plataformas elevatórias para o acesso de deficientes e dos idosos: uma para os camarotes, outra para o palco e a terceira para sala da orquestra.


A obra contemplou ainda a construção de novos banheiros e camarins com bancadas e divisórias em execução. Também já foram executados serviços em pisos e revestimentos de porcelanato em áreas molhadas dos camarins.

Com conteúdo G1RN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Furto na rede elétrica deixa mais de 8,8 mil imóveis sem luz em Areia Branca

Três grupos mostram interesse no Leilão do Porto Ilha

Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Areia Branca