Vídeo: Vem Pra Rua pede "Fora, Bolsonaro"


Do UOL, em São Paulo
30/07/2020 12h22

O Vem Pra Rua, uma das principais forças articuladoras do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, mudou de lado e agora milita contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Após as críticas feitas pelo procurador-geral da República Augusto Aras à Lava Jato, o movimento pediu "Fora, Bolsonaro" e acusou Bolsonaro de não cumprir o que prometeu durante sua campanha e repetir práticas do PT no poder.
"Ficou evidente que Bolsonaro tinha outros planos, negando ser um governo contra a corrupção, escancarando a preferência mesquinha por intrigas políticas e nada republicanas, fritura de ministros e completa desfaçatez com que lidou e lida com as prioridades do país", diz o narrador do vídeo.

Na publicação repleta de notícias protagonizadas pelo governo federal, o movimento diz que as atitudes de Bolsonaro no poder se assemelham às do PT. "Ficou claro que o caminho da esperança foi desviado", afirma ao acusar o presidente de usar a máquina do estado a seu favor. "O que vemos é destruição de reputações, ataques mentirosos àqueles que não se ajoelharam aos seus planos. Como isso lembra o PT."

"Quem tem equilíbrio e não se encontra hipnotizado pelas narrativas desse governo está de luto", declara o vídeo. Foram citadas episódios como as investigações do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) feitas pelo Coaf (Conselho de Controle das Atividades Financeiras), o desligamento de ministros considerados técnicos, como Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS) e Sergio Moro, e as acusações feita pelo ex-ministro da Justiça de que Bolsonaro teria tentado interferir na Polícia Federal.

"Não desistiremos jamais do Brasil. Nunca escolhemos o caminho fácil, e sim o caminho correto. Nós não vamos desistir do Brasil. Fora, Bolsonaro!", diz o narrador encerrando o vídeo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Furto na rede elétrica deixa mais de 8,8 mil imóveis sem luz em Areia Branca

Três grupos mostram interesse no Leilão do Porto Ilha

Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Areia Branca