Famílias comem lagartos e restos de carne para enganar fome no RN


Reportagem da Folha de S. Paulo assinada pela jornalista Renata Moura mostrou a situação desesperadora de famílias da Zona Rural do Município de Senador Elói de Souza, no Rio Grande do Norte.

Um dos entrevistados é Adailton Oliveira de 52 anos. Ele conta que há um mês não come carne e que os R$ 170 do Bolsa Família são insuficientes para garantir o básico. Até para recorrer a pequenos répteis e passarinhos ficou difícil.

Ele conta que já se apelou para passarinhos e lagartos para comer e hoje nem a isso pode mais recorrer porque os animais migraram para onde tem água. “É isso porque não tem outro jeito. Sem chuva não se planta o que comer e se acabam os animais. Também não existe mais passarinho para desfrutar, e a gente não tem condição de pedir no mercado ‘bota 1 kg de carne com osso’. A gente tem que pegar os bichinhos para fazer a mistura”, conta.

Com conteúdo Blog do Barreto 

Leia a reportagem completa AQUI.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mossoró: Áudio de radialista prega chantagem contra vereadores em troca de dinheiro; ouça

RN recebe 81.700 doses da vacina contra Covid-19 neste sábado (20)

Pescadores do de Areia Branca fisgam atum azul de 400kg; veja vídeo